Quando começar a estudar o Espiritismo?

Começar algo novo nem sempre é tarefa fácil, pois requer a mudança de velhos hábitos e tempo para as novas atividades. Nesse sentido, iniciar o Estudo da Doutrina Espírita é reorganizar a rotina e adquirir uma nova responsabilidade. Todavia, é também abrir espaço para novos conhecimentos e um novo olhar sobre a vida. Jorge Siqueira, diretor do Departamento Doutrinário da Fraternidade, ressalta que o estudo do Espiritismo traz uma maior compreensão de nossa própria existência: “Estudar o espiritismo é estudar o Evangelho de Jesus e as leis divina, passando pelo crivo da razão. Compreendendo as nossas aflições, os porquês e os revezes da vida, esclarecendo-nos e fortalecendo-nos por saber que somos filhos de Deus, Espíritos imortais e que cabe a nós vencer essas situações através da reforma íntima, que vem a ser a nossa depuração. O Espiritismo é o Consolador prometido por Jesus, que vem nos dizer que, ao conhecer as suas leis, esse jugo é leve e suave porque amar e perdoar e praticar a caridade é muito mais leve do que odiar e não perdoar.”

“O Espiritismo é o Consolador prometido por Jesus, que vem nos dizer que, ao conhecer as suas leis, esse jugo é leve e suave porque amar e perdoar e praticar a caridade é muito mais leve do que odiar e não perdoar.”

Além disso, não há idade para começar. Há estudos direcionados para bebês, crianças, adolescentes e adultos, nos quais cada um é apresentado à Doutrina Espírita de acordo com suas capacidades de entendimento. Caruline Severo, diretora do Departamento de Infância e Juventude da Casa, explica que, desde antes de completar um ano, os bebês já podem absorver importantes ensinamentos: “Ao ter contato com os Ensinos de Jesus, o bebê já recebe a ação fluídica benfazeja da evangelização, assimilando assim toda e qualquer informação que seja trazida neste ambiente. O bebê compreende e interage de forma própria a idade ao conteúdo preparado e organizado para a faixa etária”, e complementa, “Temos evangelizandos que iniciaram com 01 semana, com 02 meses, com 01 ano… Quanto mais cedo propiciarmos aos bebês o convívio na atmosfera de amor que a evangelização proporciona, mais suscetível estará, este espírito, a renovação, a construção do caminho do bem em sua existência.”

Evangelizandos do Berçário, destinado a crianças de 0 a 2 anos.

“Quanto mais cedo propiciarmos aos bebês o convívio na atmosfera de amor que a evangelização proporciona, mais suscetível estará, este espírito, a renovação, a construção do caminho do bem em sua existência.”

A Evangelização Espírita Infanto-Juvenil é o ensino da Doutrina espírita adaptada para a compreensão do bebê, da criança e do jovem, de acordo com o seu período de desenvolvimento intelecto-moral. O Departamento é dividido em setor de infância e de juventude. O primeiro compreende as atividades relacionadas ao ciclo de bebês (0 a 2 anos e 11 meses), ao maternal (03 e 04 anos), ao jardim (05 e 06 anos), ao 1º Ciclo (07 e 08 anos) e ao 2º Ciclo (09 e 10 anos). Já o segundo compreende as atividades relacionadas aos jovens, sendo a Pré-Juventude (11 e 12 anos), Juventude I (13 e 14 anos), Juventude II (15 a 17 anos) e Juventude III (18 a 21 anos). Cada ciclo desenvolve e elabora os encontros de acordo com a faixa etária, buscando atividades lúdicas e princípios pedagógicos que facilitem a compreensão dos evangelizandos acerca de assuntos sobre a vida de Jesus, os princípios básicos da Doutrina Espírita, vivência e prática da moral evangélica.

Jovens, evangelizadores e trabalhadores da Casa Espírita.

Ivânia Destri, evangelizadora e coordenadora do setor de juventude da Área de Infância e Juventude da União Municipal Espírita de Canoas, ressalta que a juventude espírita também proporciona momentos muito divertidos e importantes na socialização e acolhimento do adolescente. “A evangelização espírita é um momento sensacional! A partir de encontros dinâmicos e divertidos, nós buscamos compreender a Deus, a nós mesmos, as situações que vivemos no dia-a-dia, os temas atuais que nos deixam inquietos e cheios de dúvidas, etc. Por meio da mensagem do Mestre Jesus, procuramos compreender o nosso papel na sociedade e o nosso potencial de transformação de nós mesmos e do meio em que vivemos. Além de tudo isto, fazemos muita arte, muitos amigos e encontramos nestes amigos uma extensão das nossas próprias casas”.

Os adultos encontram no Estudo Sistematizado da Doutrina Espírita – ESDE a continuação desse processo de aprendizado, ou mesmo seu início. Nunca é tarde para começar, como aponta Nete Severo, vice-presidente da CEF e facilitadora do IEDE: “A partir das palestras surgem novos questionamentos sobre a Doutrina Espírita. Desta forma, nossos frequentadores são encaminhados ao estudo sistematizado, que traz uma apresentação do Espiritismo, nos grupos iniciais, introduzindo seus princípios básicos, sustentando assim a busca pelo autoconhecimento e melhoramento progressivo do individuo e do ambiente em que está inserido.” Começar é preciso e estudar a Doutrina Espírita é abrir as portas para o autoconhecimento: “Através do esclarecimento, aprendemos a nos conhecer, transformar nossas mazelas em virtudes, a compreender o próximo dentro de suas limitações e respeitá-lo. A transformação ocorre ao reconhecer que Deus é o Pai de infinito amor e justiça e que Jesus é o modelo e guia de nossas existência”, complementa Nete.

 

Leia também:

ENTREVISTA – Nascer e renascer de Jesus em nosso interior

Reformas e renovações

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s